Friday, July 17, 2009

DESABAFO



Aí vai um desabafo.
Fruto do meu cansaço.
Escrever é como aço.
Pesado fardo.

Tudo quando escrevo
Rimas a me perseguir.
Mudar até me atrevo.
Elas insistem em surgir.

Por vezes a me irritar.
Sinto me limitado.
O caminho a trilhar.
Será de um escritor frustrado.

Se é que há saída.
Alguém me estenda à mão.
Para minha escrita combalida.
Ter alguma direção.

1 comment:

HSLO said...

Perfeitooooo.

Abraços

Hugo de Oliveira