Wednesday, June 25, 2008

O anjo que desistiu dos homens...........




Cair da tarde , transito caótico de São Paulo, fumaça, barulho e gente muita gente apressada caminhando para chegar a algum lugar, alheio a tudo isso o céu avermelhado indicando que a noite lentamente se aproxima, temperatura agradável com ventos suaves , a primeira estrela dá a sua luz.

No meio de toda a beleza da natureza, mesmo ante a indiferenças dos mortais, um anjo apresenta-se diante de seu criador, pele morena, cabelos ao vento asas abertas a flutuar pelo céu de frente para o por do sol, seu semblante era de desanimo, sensação de derrota e perda, era como se todo o mundo estivesse ali sobre suas costas. Olhava para cima com os braços abertos enquanto refletia toda a luz que o por do sol lhe oferecia.....


Meu criador ouço sua voz.
Sou teu filho e servo dos homens.
Trago perante ti suas orações.
Daqueles que buscam aprender as tuas lições.

Quanta lágrima e quanto dor trago.
Daqueles que sequer recebem um afago.
A fome daquele que não tem um prato.
Um homem que vive como um rato.

Teus filhos tem medo da morte.
Mal sabem é somente um corte
Para muitos, apenas um norte.
Ao fraco que no espírito é forte.

Passam a vida a vagar.
Sem ao menos questionar.
Para onde os leva esse caminhar.
E qual o pagamento desse labutar.

Eu vou a eles respondendo suas orações
Porém nunca se saciam.
Seu deus é seu ventre.
Não percebem.
.
Era triste porem real, um ser celestial em um desabafo diante de seu criador.... houve silêncio no céu... era aterrorizante a espera pela resposta do criador, mesmo para ele.
Foi quando o criador falou, manso, suave e sereno só mesmo no vazio dos sentidos para ouvir sua resposta ........

O espetáculo mais belo que a terra pode conceber, vinha tépido suave aquecendo suas asas aos poucos envolvendo todo seu corpo com sua luz... e num instante enchia a terra e poderia ser ouvida tanto por bons quanto maus, enfermos e sãos, servos e livres ............ Era a resposta de todas as orações em um novo dia, a esperança.

19 comments:

Negâ said...

Amo ver por do Sol... avermelhado dá uma alegria, um afago... algo bom.
Estamos nos esquecendo do melhor que são as coisas simples que Deus criou...

;)

Beijoss

camila said...

A cada dia renasce a esperança... espero que seja assim sempre, pois não sei o que será de nós, mortais, quando não houver mais a esperança!
Beijo
=)

Bandys said...

Linda imagem,

O sonho é o viveiro da esperança.
No imenso viveiro do sonho nascem tenros rebentos de esperanças, e os brotos crescem alimentados pelo sonho.
É sempre bom renovar a esperança
Beijos

Obrigado pela visita

Enfil said...

Deus entende os homens, sabe de suas fraquezas e também de suas desesperanças. Mas é sempre bom recorrer a Ele quando nos faltam as forças.
Muito legal

Abraços.

Enfil

Poeta Mauro Rocha said...

Desistiu? ou está esperando a hora certa de aparecer!!!

Ola!! Fiz uma sigela homenagem a você e a todos os que visitam e comentam e gostam dos meus poemas, em fim, espero que goste.

Um abraço!!

Zek said...

Nega: eu tb adoro ver o por do sol, inclusive um dia eu tava conversando com um amigo, indo do trabalho para a faculdade e no meio da conversa ele disse " puts que louco" ... era justamente um por do sol deste, mas nao consegui descrever com toda a plenitude !!

Camila: Eu acho que é bem isso, esperança, um novo dia nascendo e uma nova oportunidade!!

Bandys: O sonho é pai da esperança.

Enfil: Sempre é bom correr para perto do pai né ....

Poeta: Sem palavras para falar das suas palavras ... vlw

Adriano Veríssimo said...

Puxa que louco isso! Eu fiquei imaginando, essa viagem causou algo...

Que coisa...

Parabéns pela escrita, mto legal Zek!

E obrigado pela visita, fica a vontade e volte sempre, pois eu estarei sempre por aqui...rs

Abraço

Mau Camus said...

A esperança como resposta...
Seja sempre bem vindo lá no
Memórias de um Lord.

Até mais.

Vinicius said...

rs.. poxa você consegue ver uma estrela no céu poluido de são paulo rsrs

Zek said...

Vinicius: rsrsrsr então, eu vejo uma !!

Lord: seja bem vindo aqui e sim estarei sempre por lá...

Adriano: Obrigado, você também escreve super bem ... fique a vontade!!

Canto da Boca said...

Não sei se li, se sonhei ou se vivi...

Canto da Boca said...

E desculpe a demora em vir aqui... Estava com o mundo sobre mim.
;)

Zek said...

A esperança que nasce no céu, o sorriso que vem no canto da boca...

Que a esperança te deixe mais leve, bjs!!

Canto da Boca said...

Sinta, cada uma, são todas verdadeiras. Gosto disso, do que meus sentimentos em formato palavras, causa no outro, na outra.

;)

Perla said...

Não se deve perder a esperança de que todos os homens possam encontrar o sentido da vida...
se bem que muitos andam sem rumo, mesmo. Não se deve desistir de ajudar o nosso próximo!

Bjs

Vinícius Aguiar said...

nossa... isso é absurdamente LINDO!
meus sinceros parabéns!
vou linkar seu blog!
até perdi o fôlego... aff!

O tempo transforma você!!! said...

Ola Zek, somente retribuindo a visita, me inspirei em vc e tomei vergonha na organização do meu blg.. Bjs

paula barros said...

Atravessando do Rio para Niterói de barca tirei uma sequência de fotos do pôr-do-sol. As fotos ficaram bonitas, o momento do pôr-do-sol é magnífico.
"Ao fraco que no espírito é forte"
Gostei de tudo que escreveu, mas essa frase me chamou a atenção.
boa noite!

Conrado said...

Mais uma vez, eu gostei do texto. Achei muito interessante a forma como você dispos a oração em forma de poema. Prosa e verso numa mesma composição. Super interessante! Vejo que você está se aprimorando, e realmente em busca de um estilo teu! Continue praticando, pois, como já disse, você tem o dom. O chato de procurar as rimas é tender a mudar muito uma frase, para que algo se encaixe na outra, e muitas vezes fica superficial. Bem, o anjo não ficou assim. Ele simplesmente falava e eventualmente (embora do começo ao fim) suas frases rimavam, entende?

Iresante a composição visual e sensível.

Envolvente.