Tuesday, June 17, 2008















Que pressa é essa.
Por que tenho tanto que correr.
Passo tão rápido pela vida.
Não sinto o caminho a percorrer.

Comer e não sentir o gosto.
Beijar sem olhar o rosto.
A vida vai passando.
Sem questionar vamos caminhando.
.
Eu decidi mudar.
Vou fazer tudo devagar.
Vou dedicar muito tempo a meditar.
Quero sentir o tempo passar.

Que aproveitar cada minuto.
Que seja bom ou ruim.
Saborear suavemente as palavras.
Seja resposta não ou sim

5 comments:

Poeta Mauro Rocha said...

"Saborear suavemente as palavras"

Isso é o que fazemos quando visitamos esse blog Sr. Zek, pode ter certeza.

Um abraço!!


MAURO ROCHA

Zek said...

Pode ter certeza que seu blog contribui muito para isso Poeta !!
Abraços!!

Camila said...

Zek... adorei!
Me senti percorrendo esses caminhos....
Amei.
E olha que de "CAMINHHOS" eu entendo.
Beijo
=)

Juarez Carvalho said...

Ois, gostei do blog!!1 E também desse poema, simboliza o que tenho sentido ultimamente...

Vou copiá-lo, pode? E boa sorte!!! Depois se quiser passe em meu blog! Abcs.

paula barros said...

"Eu decidi mudar.
Vou fazer tudo devagar.
Vou dedicar muito tempo a meditar.
Quero sentir o tempo passar"

Disse tudo. Penso ser a maior sabedoria do ser humano, apesar de não ser fácil.
Mude, mude sim. Curta cada momento. Vou tentar também.