Tuesday, May 27, 2008

A resposta da minha oração Parte II

Assim como todas as manhas o sol volta a brilhar.
A esperança renasce, azul como o céu de outono.
Correndo para min como uma criança a brincar.

E eu me jogo em seus braços, sedento por um afago.
E como um belo céu de outono traz consigo, um sol sereno e manso.
A fé pousa sobre min, devagar abrindo meu mundo fechado.

O mundo vai ganhando cor, aos poucos, mais cores fortes.
Tudo em min se transforma , ganha ares novos.
Tenho um caminho a percorrer, agora outros nortes.

E no meio da beleza do dia, eu vejo Deus.
No meio de minha correria, soprando meu rosto.
Restaurando os sonhos meus.

Minhas mãos não estão levantadas.
Hoje estão estendidas.
Sustentando outras mãos cansadas.

Entendi finalmente que deixei de ser crente.
Sisudo, farsante, homem de ferro.
Para ser mais feliz, humano, alegre, passei a ser gente.

8 comments:

Negâ said...

"Para ser mais feliz, humano, alegre, passei a ser gente."

Maravilhoso, to ficando vicia no seu pots.
Muito lindos...
Parabéns...

:D
8)

Beijoss

Poeta Mauro Rocha said...

Quando se é gente as coisas ficam mais claras pois somos mais humanos.Com relação a dizer que "Rock" é canção, sim pois a cançaõ é a designação comum a diversos tipos de composição musical.Você se apegou ao som e eu ao conjunto.

Um abraço

MAURO ROCHA

Vinicius said...

demais demais...
mostrei o blog pra galera da minha banda eles curtiram pra caraleo..

Canto da Boca said...

Gente continua sendo pra mim, a parte mais bonita do mundo. Cada uma eh uma bela surpresa, e como nao haveria de ser?
Conheces as "Matrioshka"' A tradicional boneca russa, que são bonecas dentro de bonecas e o número delas pode chegar a vinte ou trinta? Assim sao as gentes, tem sempre outros de nos dentro de nos mesmos, mesmas. E cada um, uma, sente, pensa, ao seu modo.
Eu, por exemplo, nao tenho uma capa demiurga, demiurgica, nao sou nenhuma deusa, sibila ou musa... Mas tenho uma crenca no mundo, na vida, que soh vendo... E qto mais creio, mas me sinto humana. Vai entender, ne?
Grata pela visita, viu?
;)

Jade said...

Gostei!...adorei!!!
:)
obrigado pela visita!

sinhã, a. said...

Não gente: Gente. :-)

Zek said...

Viniciuss - olha que eu nunca imaginei que iria gostar tanto de escrever, como estou gostando ...
Se os textos ajudarem a sua banda a fazer uma musica legal, só me deixe ouvir heim rsrsr.
Abraços !!!

Uma aprendiz said...

Oi, Zek

Resolvi ficar por aqui e ler seus textos. Profundo esse, mas dificil de comentar.

beijo